CONEXÃO RÚSSIA: Kazan a capital muçulmana da Copa do Mundo 2018

A cidade de hoje da série Conexão Rússia é a linda Kazan (Казань) a capital da República do Tartaristão e terceira maior cidade da Rússia.  O Tartaristão é uma das 85 subdivisões da Federação Russa.

O povo tártaro pertence ao grupo étnico turcomano, que sofreu uma diáspora após serem conquistados pelo Império Mongol de Gengis Khan. Atualmente a Rússia abriga a maioria do povo tártaro do mundo.

Kazan é considerada umas das cidades favoritas dos russos e é lembrada como exemplo de multiculturalismo que deu certo. Nela, a maioria muçulmana (tártaros) convive pacificamente com os cristãos ortodoxos (russos).

[hapiness] [https://viajoamanha.com/hapiness-only-real-when-shared/]

Nos últimos anos, a cidade tem se consolidado como a “capital do esporte” realizando diversas competições internacionais nas mais diversas modalidades. Desde 2013 a cidade vem recebendo diversas instalações esportivas, e atualmente a Arena Kazan tem capacidade para 45.379 pessoas.

Em 2015 a Arena sediou o Campeonato Mundial de Desportos Aquáticos, e o campo de futebol foi substituído por duas enormes piscinas. Depois do torneio o estádio passou por uma remodelação visando a Copa do Mundo, que receberá partidas da primeira fase, oitavas e quartas de final.

A cidade conta com uma grande variedade de hotéis e alojamentos. Para os atletas, foram construídos apart-hotéis, no coração de Kazan.  No aeroporto, um terminal VIP funcionará para receber os turistas durante o mundial, e o aeroexpress já está funcionando.

Confere aí o vídeo oficial da FIFA antes de saber mais sobre as principais atrações da cidade:

A história da cidade está ligada a Ivan, o Terrível. O czar realizou três campanhas militares para dominar os tártaros e foi cristianizada a força, no século XVI.

Apenas com Catarina, a Grande, no século XVII a cidade pode, novamente, construir mesquitas. Partindo de Moscou de trem a viagem dura cerca de 12 horas. Mas de avião apenas uma hora e 20 minutos.

O que fazer em Kazan?

A Universidade de Kazan é lembrada pelos seus célebres alunos, o escritor Lev Tolstói, que lá cursou letras e direito.  E também Lênin, que foi homenageado com uma estatua na rua Kremliovskaya, a mesma da Universidade.

Kremlin de Kazan: É uma das principais atrações turísticas da cidade, e diferente do de Moscou, o Kremlin de Kazan é todo branco e abriga a mesquita Kul Sharif. As muralhas possuem 2 quilômetros  que chegam a até 12 metros de altura.

Torre Inclinada: Fora dos muros do Kremlin, a torre Siuyumbike é comparada a torre de Pisa, na Itália. Atualmente a inclinação da torre é de 2 metros. Originalmente ela foi construída para ser um mirante, e uma lenda paira sobre a torre de 56 metros de altura.

Contam que após derrotar os tártaros, Ivan, o Terrível , quis se casar com uma moradora local, chamada Siuyumbike, que aceitou a proposta após estabelecer como condição a construção da torre. Porém, assim que ficou pronta, ela subiu e se jogou de lá.

Mesquita Kul Sharif: Foi construída em 2005 no local que imaginavam estar a antiga, destruída por Ivan. O interior é de rocha e mármore branco e conta com vários mosaicos e tapetes persas cedidos pelo Irã. É Patrimônio da Humanidade pela Unesco.

Rua Bauman: Começa ao lado do Kremlin e leva ao coração da cidade. A rua abriga os principais restaurantes e lojas de souvenir, que são mais baratos que em Moscou ou São Petesburgo. A rua termina em uma pequena praça que abriga o relógio mais famoso da cidade, um monumento com imagens de um poeta, uma musa e um Pégaso.

Igreja da Aparição de Deus: O famoso cantor de opera Feodor Chaliapin foi batizado nessa igreja, que abriga o campanário que é um dos locais mais fotografados da cidade.

Fontes: https://ru2018.org/city/kazan-chm-2018.html
http://epocanegocios.globo.com/Vida/noticia/2016/01/kazan-o-lado-oculto-da-alma-russa.html
http://caminhosdeumamochila.com.br/index.php/2015/12/23/visite-kaza/

[hapiness] [https://viajoamanha.com/hapiness-only-real-when-shared/]

[hapiness] [https://viajoamanha.com/hapiness-only-real-when-shared/]

Isabella de Vito

Jornalista e profissional de Educação Física. Ama viajar e acompanhar o time de futebol em todos os jogos.

More Posts